Técnico em Telecomunicações (Diurno e Noturno)

 

O Brasil tem sido um dos países que mais investem em Pesquisa e Desenvolvimento no conjunto das Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs). As Telecomunicações formam a base da estrutura que propicia o desenvolvimento dos serviços de aquisição, armazenamento, processamento, e troca de dados, o que hoje em dia é essencial em toda e qualquer atividade econômica, social, e cultural do país e do mundo.

Um grande salto de performance no setor das Telecomunicações está acontecendo neste momento, com a chegada da 5G (Quinta Geração de Telefonia Móvel). A 5G, que essencialmente será suportada pela rede de fibras ópticas do mundo, significa para os usuários velocidade incrivelmente mais rápida e maior capacidade de troca de informações, o que naturalmente permitirá novas oportunidades tecnológicas, tanto evolucionárias quanto revolucionárias nas redes.

Com a chegada da 5G e da Internet das Coisas (IoT), a produção industrial será afetada de tal forma, que isso está sendo chamado de Indústria 4.0, ou a quarta revolução industrial da humanidade. Naturalmente, todo esse poder de geração, transmissão, armazenamento, e processamento de informações necessitará de uma grande organização e segurança, o que se acredita que será feito pela Inteligência Artificial (IA), que já vem sendo experimentada, principalmente no setor mercadológico.

Outra necessidade imperativa das novas formas de troca de informação é a descentralização dos métodos de se garantir a segurança da rede, o que já vem sendo implementado por tecnologias como a Blockchain e Tangle, que conferem a veracidade das informações em uma cadeia de blocos com processamento distribuído na rede. Isso permite até o uso de moedas digitais, como o Bitcoin, Ether, ou IOTA, e permite que contratos virtuais de serviços entre as coisas conectadas às redes sejam feitos de forma automática e justa.

As tão faladas e sonhadas Cidades Inteligentes, totalmente conectadas (Smart Cities), são possíveis hoje graças à união de todas essas novas tecnologias, em uma rede convergente de telecomunicações, onde os cidadãos têm ao seu dispor uma gama imensa de serviços sociais, financeiros, residenciais, esportivos, saúde, transportes, etc.

As telecomunicações, agora em diante, serão totalmente transformadas por essas novas tecnologias, e a mão de obra que chegar ao mercado já com qualificação e apta a se especializar nas especificidades de sua área, estará em vantagem, e poderá ter um alcance profissional mais efetivo que os demais.

O Curso Técnico em Telecomunicações da ETE FMC é reconhecido pelo mercado como um dos mais tradicionais e eficientes do país, e seus ex-alunos ocupam posições de destaque nas grandes empresas do setor. Mas a ETE FMC se preocupa sempre em estar na vanguarda da tecnologia, e mantém convênios com empresas e centros de pesquisas em telecomunicações, para que sua proposta curricular esteja sempre atualizada, seus laboratórios e equipamentos atualizados, e seus professores em constante evolução de conhecimentos técnicos e pedagógicos.

A ETE FMC é mantida pela Associação Nóbrega de Educação e Assistência Social – ANEAS, instituição de direito privado sem fins lucrativos, filantrópica, de natureza educativa, cultural, assistencial, beneficente, reconhecida como de utilidade pública estadual e com Certificado de Entidade Beneficente de Assistência Social - CEBAS, nas áreas de educação e assistência social.

Na área de educação desenvolve o Programa de Inclusão Educacional e Acadêmica – PIEA, concedendo bolsas de estudo e benefícios complementares, para o nível de educação básica, garantindo o acesso, permanência e conclusão do curso.

Na área de assistência social oferta serviços, programas e projetos nas categorias de atendimento e assessoramento, conforme Art. 3º da Lei Orgânica de Assistência Social.

A ANEAS atua em conformidade à legislação vigente por meio da Lei Nº 12.101/2009, Lei Nº 12.868/2013, Decreto Nº 8.242/2014 e Portaria Normativa MEC Nº 15/2017.

NOSSOS CANAIS


ete@etefmc.com.br
(35) 3473-3600